Jovem metaleiro brasileiro vence sorteio da Capital of Metal

Na manhã de 1 de junho, o jovem estudante João Vieira preparava-se para mais um comum. Ao checar seus e-mails, não acreditou quando leu a primeira mensagem de sua caixa de entrada: ele venceu o sorteio promovido pela campanha Capital of Metal para vir à Finlândia, com direito a um acompanhante, para assistir ao festival de heavy metal Tuska Open Air em Helsinque.

ler artigo

A campanha Capital of Metal teve início em 9 de maio pelo website www.capitalofmetal.fi. Na página, bandas de metal finlandesas puderam marcar em um mapa da Finlândia informações referentes a elas, para que suas cidades concorressem ao título de capital do metal.

O resultado da competição foi anunciado em 21 de junho e a cidade vencedora foi a pequena municipalidade de Lemi, com apenas 3.076 habitantes, localizada no sudoeste da Finlândia.  Mas mais do que eleger qual a capital do metal, os participantes da campanha, aberta a músicos e fãs, concorreram a diversos prêmios, desde vale-presentes de lojas de música até uma viagem para a Finlândia, com direito a um acompanhante, para assisitir ao festival de heavy metal Tuska Open Air, em Helsinque, nos dias 29 e 30 de junho e 1 de julho. O prêmio inclui as passagens aéreas, a acomodação e dois ingressos VIP para o festival  (leia mais sobre a campanha Capital of Metal em nosso artigo).

“Eu soube da promoção por conta de um post no Facebook. Achei interessante e resolvi participar, mas não achei que poderia ganhar”, diz João. “Quando chequei meu e-mail não acreditei quando logo a primeira mensagem dizia que eu havia ganhado o prêmio.”

Estudante de secretariado executivo na Universidade Federal de Sergipe, João Vieira, 20 , é fã de metal desde os 11 anos de idade, quando se apaixonou pelo estilo por influência do irmão mais velho, Victor Gonçalves, que será seu acompanhante nesta aventura pesada.

Victor, 30, é músico e produtor musical e já esteve na Finlândia a passeio. “Trabalhei em cruzeiros marítimos e por um tempo minha rota passou por Helsinque, por isso tive a oportunidade de conhecer um pouco”, diz Victor.

Fãs de bandas como Iron Maiden (UK), Blind Guardian (DE), Death (USA) e Carcass (UK), João e Victor já estiveram em festivais realizados no Brasil, mas estão muito ansiosos pela oportunidade de irem ao Tuska Open Air: “Veremos no Tuska bandas que eu não esperava ter a oportunidade de ver, como Kreator, Europe e At the Gates. Será uma grande emoção para nós, momentos que serão lembrados para o resto da vida,” diz ele.

Do Nordeste do Brasil para Helsinque

Apocalyptica é uma das bandas favoritas de João Vieira. Esta foto foi tirada no Tuska Open Air 2017, durtante a tour “Metallica by four cellos”, que celebrou os 20 anos do álbum que fez os celistas finlandeses famosos mundo afora. Na foto Perttu Kivilaakso do Apocalyptica.Foto: Cristina Ornellas

João e Victor são de Aracaju, capital do Sergipe, um pequeno estado do nordeste brasileiro. Apesar de pequena (cerca de 650 mil habitantes), Aracaju é uma cidade turística de belas praias, famosa pela hospitalidade de sua população. Também é apontada como a cidade com os hábitos de vida mais saudáveis do Brasil, além de ser a cidade com o menor índice de fumantes do país, segundo o Ministério da Saúde.

Sobre a cena metal local, João explica que “é fraca, pois os que tentam fazer algo não são valorizados, não recebem retorno e nem incentivo.”

Para chegarem a Helsinque, João e Victor viajarão por 17 horas, mas isso de forma alguma parece ser um problema: “ Será minha primeira viagem para o exterior. Ficaremos em Helsinque por 5 dias e espero conhecer o máximo que puder da cidade.”

Metal finlandês é diferente

Alexi Laiho, à frete da banda de metal finlandesa Children of Bodom e o tecladista Janne Wirman mandam ver no Tuska Open Air 2017. Uma das bandas de metal mais famosas da Finlândia, C.O.B. está entre as favoritas dos irmãos brasileiros.Foto: Cristina Ornellas

O interesse pela cena metal da Finlândia se deu há muitos anos, enquanto assisitia online ao famoso festival de metal Wacken Open Air, realizado anualmente na Alemanha: “Achei curiosa a quantidade de bandas da Finlândia no lineup e resolvi pesquisar. Hoje em dia sou muito fã de Children of Bodom, Lost Society, Turisas e Apocalyptica.” João diz que “o metal finlandês é diferente, as temáticas abordadas pelas bandas são muito interessantes e o som é pesado, mas alegre.”

Além da paixão pelo heavy metal, João também é skatista e surfista, adora ler e tocar guitarra. Em suas leituras aprendeu bastante sobre a finlândia e não deixa de mencionar sua admiração pelo sistema educativo do país. “Admiro que na Finlândia os impostos pagos pela população retornam em forma de educação, saúde e qualidade de vida.”

Por Maila-Kaarina Rantanen, junho de 2018

Veja também no thisisFINLAND

Links