Finlandês de uma vez por todas (parte 1)

Aprender finlandês não é nenhum bicho de sete cabeças! Perguntamos às pessoas os livros e as estratégias que elas usam para dominar o idioma.

ler artigo

 

Aprender finlandês não é nenhum bicho de sete cabeças. Aliás, o número de gente que não é da Finlândia e está aprendendo a língua é cada vez maior. Para mostrar isso, o thisisFINLAND.fi perguntou a amigos e colegas quais são os livros didáticos que estão lendo e quais as dicas que eles dão para quem quer dominar o idioma.

Nos últimos anos, novos livros didáticos de finlandês como segunda língua chegaram com tudo ao mercado – tantos, que só um artigo é pouco para falar de todos eles. Mas uma breve visita a uma livraria de Helsinque já basta para ver livros didáticos escritos para quem fala inglês, francês, alemão, italiano, russo e sueco, além dos livros apenas em finlandês que independem da língua-mãe do estudante (estes, na maioria das vezes, acompanham um glossário bilíngue).

O pessoal com quem conversamos sugeriu inesperados livros didáticos e passou bastante motivação, além de dar dicas testadas em casa e estratégias para estudantes de finlandês de todos os níveis. Foram tantas recomendações que tivemos que dividir este artigo em duas partes.

O clássico de verdade, e uma nova visão

“Suomea suomeksi,” agora em sua 20ª edição continua com a bola toda.Foto: thisisFINLAND

Equipe do thisisFINLAND recomenda: Suomea suomeksi (“Finlandês em Finlandês”), de Olli Nuutinen (SKS), é um clássico testado e aprovado que está em sua 20ª edição e continua com tudo. Ele traz uma abordagem fácil e sua sistemática ainda é atual. Já um recente lançamento é o Eila ja Ossi (Eila e Ossi), de Mika Lamminpää (Gummerus), um livro acompanhado de um CD que foi feito tendo os estudantes do finlandês em mente. Ambos os livros são claros, práticos e escritos apenas em finlandês. (Eila ja Ossi inclui três páginas de glossário Finlandês-Inglês com espaço para preencher uma terceira língua, caso o aprendiz queira).

Vá em frente e não jogue a toalha

Mergulhe no finlandês - e no senso de humor finlandês: se você consegue ler isso, “você está na metade de cima ou debaixo”.

Mergulhe no finlandês – e no senso de humor finlandês: se você consegue ler isso, “você está na metade de cima ou debaixo”.Foto: flickr/ZeroOne, cc by sa 2.0

Celia, da França: O primeiro livro que usei foi Le finnois (“O Finlandês”), de Tuula Laakkonen (Assimil). Este livro fez com que eu estudasse o idioma mesmo morando na França. As tarefas são muito bem pensadas, com informações culturais e humor – o que faz com que seja mais fácil aprender. Eu atingi um nível satisfatório e por isso recomendaria o livro para quem fala francês.

Suomen mestari (“O Campeão Finlandês”), volume um, foi o segundo livro que usei, em um curso na Universidade de Verão de Turku. Depois de estudar a língua autodidata, gostei de assistir a aulas e ter aprofundado minha proficiência. O livro é super bem estruturado, enriqueceu meu vocabulário e fortaleceu minha gramática.

Dica da Celia: Você precisa de muita motivação para chegar a um bom nível, ainda mais porque quando você aprende qualquer idioma vai sempre ter que enfrentar altos e baixos. Eu pensei várias vezes em largar a mão de vez, mas uma vez que eu realmente queria ir para a Finlândia, meu ânimo crescia e assim permanecia. Agora, eu consigo falar quase fluentemente e mal sei explicar o quanto é legal assistir a filmes sem legendas, falar finlandês quando vou ao banco ou converso sobre qualquer coisa com meus amigos. Por isso, vá em frente, e não jogue a toalha.

Já saia aprendendo

Este caminho não existe no inverno – mas talvez você soubesse disso mesmo se não conseguisse ler a placa.Foto: flickr/Tomi Tapio, cc by 2.0

Stanislaw, da Polônia: Quando cheguei à Finlândia, há 24 anos, usei o livro Finnish for Foreigners (“Finlandês para Estrangeiros”), de Maija-Hellikki Aaltio (Otava), em um curso na Universidade de Tampere. Para mim, este livro foi muito bom. A gramática e a lógica eram muito claras para mim. Aprendi várias palavras, o que foi importante no começo.

Dica de Stanislaw: Um bom método é ver TV em finlandês e ler as legendas. Eu costumava a fazer isso e conscientemente tentava lembrar algumas palavras-chave para usar mais tarde. Também é bom conversar com finlandeses – perguntar a eles como é a sentença correta. É importante já “sair aprendendo”.

Finlandês é uma brincadeira de criança

Livros infantis são divertidos e coloridos. Você pode aprender uma quantidade surpreendente de palavras em finlandês com eles.

Livros infantis são divertidos e coloridos. Você pode aprender uma quantidade surpreendente de palavras em finlandês com eles.Foto: thisisFINLAND

Daria, da Rússia: Os livros mais úteis para mim são principalmente os de criança, por três motivos: um, que as ilustrações e as palavras comuns facilitam na escolha daquele (livro) que você vai gostar. Dois, que eu tenho um filho pequeno. É mais legal ler ao lado de uma companhia tão boa. A gente aprende junto. E três, que a linguagem é normalmente fácil de se entender, e o livro não é muito extenso.

Kumma­mumma (“Vovó Engraçada”), de Oili Tanninen (Otava), é meu favorito. Eu comprei no mercado de pulgas porque eu adoro as ilustrações. Depois vi que o texto é bem útil no dia a dia. Meu outro favorito é o Leonardon suuri unelma (“Sonho de Leonardo”), de Hans de Beer (Lasten keskus). O texto consiste em palavras simples e úteis. Os diálogos são simples, mas emocionantes, e ajudam a entender as diferentes maneiras de dizer as coisas. O pinguim no livro não só fala do clima, mas diz coisas como “Eipä taida olla tänään lentosää” (“O tempo não parece estar bom para voar hoje”), portanto, você aprende algo novo.

O Campeão do Finlandês

O título “Suomen mestari” sugere que você está no seu caminho para se tornar um mestre, ou um campeão, do Finlandês.Foto: thisisFINLAND

Florian, da Alemanha: A série Suomen mestari (“O Campeão do Finlandês”) compõe um livro completo de finlandês para pessoas que estão começando a arranhar o idioma ou já sabem um pouco e querem melhorar. Os capítulos tratam de determinados tópicos, e os conceitos gramaticais ganham força com os vários exercícios de escrita, escuta e conversação. Ele vem com um CD.

As tarefas e exercícios relacionados remetem a várias ilustrações, o que ajuda muito. Eu recomendaria este livro se você tiver algum acompanhamento com professor.

Dica do Florian: A gramática do finlandês é dominável – é bem metódica, com poucas exceções – mas o vocabulário pode contar bastante, por isso, aprender palavras é crucial. Sentir-se confortável com o finlandês falado é um desafio em si.

Por Peter Marten, Sabrina Salzano e Sara Vihavainen, Abril 2014

Veja também no thisisFINLAND