Parque jubilar guarda tesouros finlandeses

Hossa, o 40º parque nacional da Finlândia, inaugurado em 17 de junho de 2017, preserva lindos lagos, florestas selvagens e relíquias pré-históricas fascinantes; local ideal para um parque jubilar no âmbito da comemoração pelos 100 anos de independência finlandesa.

ler artigo

Em frente ao centro de visitantes Hossa, trilhas convidativas nos conduzem por florestas de largos pinheiros, que vão em direção a um lago plácido, coberto por coloridas plantas de pântano. Essa deliciosa trilha natural de 3,5 km é uma das partes imperdíveis de Hossa, segundo a educadora ambiental Riitta Nykänen, da Parks & Wildlife Finland, que ajudou a planejar este novo parque nacional, localizado no leste da Finlândia, a cerca de 80 km ao sul de Kuusamo.

“As paisagens de Hossa, que incluem florestas virgens, lagos prístinos e bancos de areia intactos desde a Idade do Gelo são, de alguma forma, autenticamente finlandesas, por isso,  uma excelente escolha como parque representante da independência do nosso país”, diz Nykänen.

“Há também razões históricas para a escolha, pois Suomussalmi foi a cidade natal do primeiro presidente da Finlândia, K.J. Ståhlberg, e uma declaração inicial pedindo a nossa independência foi assinada lá. Durante a Segunda Guerra Mundial, batalhas sangrentas foram travadas aqui, em nossas florestas da fronteira, para preservar nossa independência “, acrescenta.

Figuras misteriosas de um passado distante

As impressionantes pinturas nas rochas antigas em Värikallio contêm imagens intrigantes de figuras humanas e animais, criados pelos primeiros artistas finlandeses, há 4.000-5000 anos.Foto: Fran Weaver

Outro destaque de Hossa é um conjunto impressionante de antigas pinturas em pedras,  ainda visíveis em falésias do lago em Värikallio, apesar de terem sido pintadas há 4 mil ou  5 mil anos. As pinturas incluem figuras humanas em forma de “boneco-palito”, figuras demoníacas com chifres, animais reconhecíveis e duas figuras humanas parecidas, com grandes cabeças triangulares, que também apresentam o logotipo do parque nacional.

Uma nova passagem construída sobre o lago em Värikallio dá aos visitantes uma vista perfeita para se admirar as pinturas. Especialistas acreditam que elas estejam relacionadas a rituais de caça ou cerimônias xamãs, mas não há como saber com certeza, por isso, é tentador imaginar o que os artistas finlandeses da Idade da Pedra podem ter pensado.

Não muito longe de Värikallio, encontra-se Julma Ölkky, um lago comprido e estreito, dominado por espectaculares falésias acidentadas. Os pedestres interessados  podem caminhar por um lado do lago e voltar pelo outro, graças a uma nova passarela suspensa, mas as melhores vistas do desfiladeiro são da água. Os visitantes podem participar de excursões de canoagem guiadas, ou de passeios de barco panorâmico que, durante o verão, partem regularmente do extremo sul do desfiladeiro do lago.

Ambientes selvagens  para aventuras e relaxamento

Instalações gratuitas, incluindo áreas para fogueiras, abrigos e barracas ao ar livre, foram melhoradas como parte da revitalização de Hossa, que de uma área de caminhadas passou a ser o mais recente parque nacional da Finlândia.Foto: Fran Weaver

Nykänen enfatiza a diversidade natural da vida selvagem de Hossa. “Os riachos e lagos cristalinos de Hossa são excepcionalmente ricos em oxigênio, já que são alimentados em grande parte por nascentes. Isso significa, também, que são ricos em pequenas criaturas aquáticas, peixes e algumas aves mergulhadoras “, explica. Hossa é também o lar de pássaros da floresta, incluindo falcões, corujas e pica-paus, bem como lontras, linces, ursos ocasionais e lobos.

A transformação de Hossa de uma área de caminhadas para um parque nacional já aumentou o número de visitantes. As empresas locais preparam-se para fornecer mais serviços para visitantes com diferentes interesses. A pequena empresa familiar Hossan Lumo, administrada pela residente local Maija Daly e seu marido irlandês, Lenny Daly, aluga equipamentos, incluindo bicicletas próprias para montanhismo – com pneus grossos -, caiaques e pranchas a remo (SUP-boards), bem como acomodações aconchegantes na cabine do lago.

Diversão na água

Quatro novas rotas de mountain bike atravessam as florestas intocadas de Hossa, oferecendo belas vistas dos muitos lagos do parque nacional.Foto: Sini Salmirinne / Metsähallitus

“Os lagos azuis claros de Hossa são ótimos para remar, principalmente após o boom internacional do SUP-boarding, que agora chegou à Finlândia”, diz Lenny Daly.

Daly sente que as trilhas ao longo dos cumes arenosos de Hossa são igualmente ideais para mountain bike. “Outras atividades agradáveis disponíveis localmente incluem:  viagens durante a noite, passeios guiados sobre a história da guerra e safaris com cães husky durante o inverno. Também é possível fazer aulas de yoga e pilates em SUP-boards”, acrescenta.

A criação de renas ainda é um modo de vida local importante. No Hossa Reindeer Park (parque das renas), em uma fazenda em funcionamento, os visitantes podem conhecer as renas e provar sua carne. E tenha a certeza de que, se avistar um animal grande entre as árvores no parque, é muito mais provável que seja uma rena tímida do que um lobo ou um urso.

Por Fran Weaver, junho 2017

Veja também no thisisFINLAND

Links